Regis Tadeu fala sobre Avenged Sevenfold

O editor das revistas Cover Guitarra, Baixo e Batera Regis Tadeu alfineta a banda californiana em sua coluna.

“Pegue bons músicos com tatuagens, cabelos emos e pose revoltadinha, coloque todos dentro de uma sala e acrescente um molho com iguais proporções de My Chemical Romance, Metallica, Nickelback, Dream Theater e Simple Plan. Pronto! Você tem uma banda tão verdadeira na explícita intenção de pseudolegitimar tudo aquilo que um roqueiro de verdade despreza quanto falsa na espontaneidade com que os caras apresentam as suas canções em cima do palco. E agora não tem sequer o Mike Portnoy para dar um “upgrade”… Nunca ouviu falar em uma “boy band do metal”? É esta aqui.”


DEIXE UMA RESPOSTA