Entrevista com fãs da banda

O site Vígula fez uma matéria falando sobre os fãs brasileiros do Avenged Sevenfold. Confira abaixo:

O Vírgula recrutou a ajuda de alguns fãs do Avenged Sevenfold para tentar entender a paixão que toma conta dos seguidores da banda. No ano passado, o grupo se apresentou no festival SWU e, mesmo com pouca divulgação e o fato de ter dividido o palco com bandas mais conhecidas, os fãs compareceram em massa e vibraram a cada minuto da apresentação.

“A galera levou bexigas brancas e pretas para homenagear o baterista Jimmy ‘The Rev’ Sullivan, que morreu dia 28 de dezembro de 2009”, lembrou a fã Amanda Pas.

Para se ter ideia do furor que a banda causa, o último álbum lançado, Nightmare, estreou em primeiro lugar na Billboard 200 e vendeu 163 mil cópias nos Estados Unidos, só na primeira semana.

Para os fãs, o que faz do A7X uma banda única é a qualidade das músicas, tanto no conteúdo das letras, quanto na sonoridade. “O Avenged é composto por músicos de verdade, que não se escondem em ferramentas de edição, fazem performances incríveis ao vivo e compõem músicas com conteúdo. O grande diferencial é este: musicalidade e categoria nas composições”, explica Bruno Rizzato, que é fã do Avenged desde 2007, quando ouviu a música Beast and the Harlot no jogo Guitar Hero II.

Já para Daniel Miranda Campos, há mais um fator que faz com que a banda seja merecedora de reconhecimento. “A atitude dos membros da banda, o carinho, respeito e consideração com que eles tratam os fãs. Pode parecer um grande clichê, mas eles encaram os fãs como uma grande família, nos momentos bons ou ruins”, contou o fã.

O Avenged Sevenfold tem outra característica interessante. A banda não se encaixa num estilo musical definido, já que em cada fase experimentou sonoridades diferentes. Em seu primeiro álbum, Sounding The Seventh Trumpet, há um pouco de metalcore, punk rock e soft rock. Já no CD homônimo, há participação de orquestra. Atualmente, o som dos caras mescla heavy metal e hard rock.

Cada álbum se difere no estilo e muitas vezes dentro do mesmo disco essa diferença é perceptível de faixa para faixa. “O que mais me surpreende nessa mistura é que, muitas vezes, eles conseguem fazer um som pesado de repente ficar sutil, melódico, na mesma música”, comenta o fã Bruno Rizzato.

Fã desde 2007, Diogo Gambonni acredita que a banda nunca fugiu do metalcore, mas que após o primeiro disco, que passava uma mensagem mais “direta”, com vocais guturais e rifes sem definição, o A7X cresceu e foi buscar em outras “praias” musicais complementos para evoluir. “Eu gosto de todas as fases, mas o City of Evil, lançado em 2005, foi o momento chave, período de transição importantíssimo”, conta.

Se tentar definir a banda já é uma missão impossível, descobrir o perfil do “público alvo” é ainda mais difícil. Entre as bandas que os fãs de Avenged Sevenfold curtem estão Korn, Slipknot, Limp Bizkit, Incubus, Atreyu, Alter Bridge, Papa Roach, Linkin Park, Metallica, Rammstein, Dir en Grey, The Used e Arctic Monkeys.

Fonte: Vírgula

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA